Desenho Técnico: a chave do sucesso do seu projeto.

Você já se perguntou como os engenheiros de todo o mundo se comunicam para produzir a mesma peça de uma determinada empresa? E como um processador feito na China encaixa-se perfeitamente dentro da carcaça de um celular feito na Índia? Como os engenheiros se comunicam internacionalmente para fabricarem seus maquinários?

Antes de tudo, eles representam graficamente seu projeto no papel que passa a ser conhecido, então, por Desenho Técnico.

Ao contrário da concepção popular, engenheiros não vivem apenas de números, cálculos e equações. Uma parte muito importante da profissão é o desenho, mais especificamente, o desenho técnico.

Desenhos técnicos são feitos por profissionais (chamados desenhistas) capazes de representar as formas, dimensões, posições, material, processos de fabricação e ajustes. Os desenhistas utilizam do desenho técnico para se comunicar com o fabricante e seu objetivo é atender as diferentes necessidades dessas áreas do conhecimento. Portanto, o ideal é que ele seja feito seguindo normas e seja elaborado tendo em mente cada detalhe, desde a montagem do equipamento, por exemplo, até a sua desmontagem, caso seja necessária.

Por ser o meio de comunicação entre a equipe de criação e a de fabricação, o desenho técnico é uma ferramenta indispensável para a interpretação e representação de um projeto. Ao colocar a ideia no papel, o profissional descomplica, expõe e representa tal ideia por meio de regras e métodos.

A normatização dos Desenhos Técnicos

Números, linhas, símbolos e letras são conhecidos internacionalmente através de várias normas que, de forma ordenada, possuem a capacidade de darem um significado coeso para cada elemento. Tal lógica conferida através das normas permite que a linguagem gráfica facilite o entendimento dos desenhos.

Porém, essa linguagem só é possível pois segue uma norma, caso contrário, se não houvesse nenhuma forma de regras ao fazer um Desenho Técnico, o trabalho de um desenhista em Minas Gerais seria incompreensível para o fabricante em São Paulo, por exemplo.

Agora pense nas multinacionais, nas quais vários países participam da fabricação do seu produto. Seria impossível manter um alinhamento. Logo, no atual mundo globalizado em que vivemos, a normatização de Desenhos Técnicos se mostrou mais imprescindível do que nunca.

A importância do Desenho Técnico na sua empresa

Se você fabrica algum tipo de maquinário ou produto e ainda não tem um técnico que facilite, descreve e representa uma ideia por meio de regras e procedimentos, seu empreendimento está sofrendo perdas em vários âmbitos. Por outro lado, com o Desenho Técnico você tem muito ganhar!

Confira a seguir:

  1. Produtividade: você ganha produtividade ao fazer os Desenhos Técnicos do seu maquinário e peças, pois a cada vez que precisar fabricá-los sua equipe gastará menos tempo para pensar no projeto. Além disso, há uma menor probabilidade de fabricação de peças defeituosas. Por outro lado, sem os desenhos técnicos, a fabricação dos seus equipamentos não flui de forma natural e rápida, sua equipe não trabalha de forma coesa e a produção fica mais propensa a fabricação de peças erradas.
  2. Gestão de conhecimento: essa talvez seja a esfera que mais é beneficiada pela presença de desenhos técnicos, o que pode gerar um ganho imensurável para o seu negócio. Por quê? Porque a implantação de processos que gerenciem e armazenem o conhecimento empresa pode diminuir os gastos em produtos que posteriormente poderão ser investidos em capital intelectual, o que, geralmente, tem um melhor custo-benefício.
  3. Qualidade: a qualidade dos produtos fabricados por empresas que não possui uma cultura de padronizar seus equipamentos por Desenhos Técnicos é incerta. Há um bom tempo na história da produção industrial, a humanidade percebeu que a padronização é uma forma de garantir a qualidade ao mesmo tempo que aumenta a produtividade. E essa lógica é bem simples: se não há um modelo a seguir, como posso garantir a qualidade final? A partir do momento que você passa a projetar no papel suas ideais, você também passa a ter um maior controle do resultado. Fora isso, a qualidade também é positivamente afetada pela facilidade de analisar criticamente o motivo de falhas e consequente proposição de melhorias.
  4. Marketing: hoje o Desenho Técnico se tornou também uma ferramenta poderosa de marketing. Se você fabrica maquinários para venda, sua empresa pode ter um salto no final do mês ao começar a projetar desenhos profissionais dos seus produtos. Não estou dizendo que você irá disponibilizar seus Desenhos Técnicos especificamente (por motivos de proteção da sua tecnologia, seus desenhos técnicos não devem ser expostos). O que digo aqui é sobre os novos recursos disponibilizados pelos softwares do mercado. Hoje, é possível montar vistas explodidas, ortogonais, 3D e outras que chamam a atenção do cliente e não expõem as características técnicas do seu maquinário.
  5. Manutenção: os Desenhos Técnicos facilitam no processo de manutenção já que ele funciona como um mapa do seu produto. Com eles é muito mais fácil identificar as falhas e propor formas de remediá-las.

Essas foram só alguns dos ganhos que seu empreendimento pode ter ao utilizar os desenhos técnicos para a representação de seus projetos e dos seus produtos. Fora isso, você ainda pode ter uma maior facilitação da sua produção e uma base para melhorias de produtos já existentes.

Portanto, é evidente que o Desenho Técnico é um investimento essencial para o seu empreendimento, já que seus benefícios vão muito além de facilitar a execução do projeto por demonstrar todos os detalhes necessários. Ao optar pelos Desenhos Técnicos seja do seu maquinário, peças ou qualquer outro tipo de produto, você facilita o controle e o acesso a informações essenciais tendo um impacto significativo na sua organização, nos resultados entregues pela sua equipe e no saldo final da sua empresa.

Por Bárbara Machado