Mapeamento

Definição, padronização e formalização dos processos da empresa ou de determinado setor, por meio de ferramentas como Flowchart e BPM, e que inclui desde a elaboração de mapas (fluxogramas), demonstrando o fluxo operacional e a inter-relação entre as diferentes áreas e processos, a identificação de pontos críticos e elaboração de documentos, como procedimentos operacionais e instruções de trabalho, com um nível de detalhamento que varia de acordo com a necessidade da empresa.

Vantagens:

  • Maior organização e controle dos processos;
  • Diminuição de erros operacionais e retrabalhos;
  • Aumento da Gestão do Conhecimento;
  • Maior facilidade na tomada de decisões e
  • Eliminação de atividades que não agregam valor.

Gestão de Processos

Diagnóstico da empresa ou de determinado setor seguido da proposição de soluções, o que inclui o mapeamento dos processos visando a identificação de falhas, pontos críticos e desperdícios; coleta e analise de dados, para a identificação das causas dos problemas levantados e; elaboração de melhorias e do plano de implementação, documento que contem todas as ações necessárias para a implementação das soluções elaboradas, os responsáveis e os prazos, feito por meio da priorização das melhorias com base no esforço que ela demanda e no impacto que ela gera para a empresa. É possível que seja feito também, após, um acompanhamento e assessoramento do processo de implementação das soluções.

Vantagens:

  • Maior eficiência dos processos;
  • Aumento da qualidade do produto/serviço;
  • Eliminação de atividades que não agregam valor;
  • Maior entendimento do funcionamento da empresa de forma sistêmica;
  • Redução de custos e
  • Maior integração entre as áreas/setores.

Estudo de Layout

Elaboração de um novo layout para a empresa ou determinado setor (desenhos 2D e 3D) de forma a otimizar os processos e eliminar problemas específicos. O novo layout é feito com base na análise dos processos da empresa, do atual espaço físico, e principalmente da relação entre estes, por meio de técnicas quantitativas e qualitativas, de forma a identificar os pontos críticos existentes e suas causas, com o objetivo de eliminá-las.

Vantagens:

  • Maior aproveitamento do espaço físico da empresa;
  • Maior aproveitamento do tempo de produção;
  • Redução de desperdícios;
  • Maior facilidade e agilidade na execução de atividades e
  • Maior segurança e redução de acidentes.